ÁREAS INDÍGENAS, GEOPOLÍTICA, RIQUEZAS MINERAIS E COBIÇA INTERNACIONAL

Internacionalização das reservas indígenas omite tentativa geopolítica de apropriação de riquezas minerais

 

noticiasagro

 

O Site Notícias Agrícolas entrevistou o advogado, consultor ambiental, jornalista e vice-presidente da Associação Paulista de Imprensa, Antonio Fernando Pinheiro Pedro, sobre o debate em torno das reservas indígenas brasileiras, alvos de ação de ONGs que estariam estimulando povos indigenas a se declararem independentes do Estado brasileiro. O governo brasileiro, o próprio presidente Jair Bolsonaro e as Forças Armadas estão atentos a esse movimento internacionalista.

Assista ao vídeo abaixo ou aqui:

 

noticias-agricolas-set-2019

 

Pinheiro Pedro assevera que o movimento tem participação de “traidores da Pátria”.

O assunto transcende o recente conflito entre o governo brasileiro e o presidente francês Emanuel Macron, que chegou a questionar a soberania do Brasil na região, devido aos focos de incêndios que acontecem nesse momento na Amazônia. Enquanto a pressão francesa tenta impedir o acordo da União Européia com o Mercosul, a pretensa independência de povos indígenas visa a conquista de territórios valiosos em riquezas minerais para exploração internacional.

O advogado alerta que desde século 19 aconteceram tentativas da Inglaterra e da França de relativizar a soberania brasileira. “Em 1860, a França tentou se apoderar do território do Amapá, que é vizinho da Guiana Francesa, para ficar com as riquezas mineiras existentes naqueles solos”, diz.

A França iniciou um processo de conflito internacional, que foi presidido do âmbito de uma arbitragem pelo o rei da Bélgica, que deu a sentença favorável ao Brasil em 1885. “Portanto não é de hoje que a França tenta se apoderar de parte do nosso território”, conta.

Agora a pressão tem apoio de ONGs e membros de partidos de esquerda, apoiados por parte da mídia brasileira. Tentam usurpar parte do território brasileiro “exatamente onde estão as reservas indígenas e um subsolo mineral riquíssimo”, afirma Pinheiro Pedro.

“Bastaria essas ‘Nações’ indígenas pedir intervenção de outros países, principalmente os europeus, para que tenhamos uma situação de intervenção no Brasil. As Forças Armadas brasileira, no entanto, estão atentas e não vão concordar com isso, muito menos o povo brasileiro”, conclui Pinheiro Pedro. (Mais informações no vídeo acima).

 

Notas:
1- Publicado originalmente no site Notícias Agrícolas, em 02/09/2019 – in https://www.noticiasagricolas.com.br/videos/questoes-indigenas/241847-internacionalizacao-das-reservas-indigenas-nada-mais-e-do-que-tentativa-de-se-apropriar-de-riquezas-minerais.html
2- Para saber mais:
a- PEDRO, Antonio Fernando Pinheiro – “A Questão Indígena e o Resgate da Soberania Brasileira”, in Blog The Eagle View, 8Set2019, visto em 11Set2019, in https://www.theeagleview.com.br/2019/09/questao-indigena-e-o-resgate-da.html
b- PEDRO, Antonio Fernando Pinheiro – “Contexto Geopolítico do Brasil e a Questão Ambiental”. in blog The Eagle View, 8Set2019, visto em 11Set2019, in https://www.theeagleview.com.br/2019/08/contexto-geopolitico-do-brasil-e.html
Fonte: The Eagle View

 

 


Desenvolvido por Jotac